O que são processos de inventário e como eles podem ser úteis para sua pesquisa genealógica?

Os processos de inventário são uma valiosa fonte de informação para qualquer pesquisador genealógico. Eles podem fornecer informações importantes sobre os bens de nossos ancestrais, bem como sobre seus herdeiros e parentes próximos. Neste artigo, vamos explorar o que são processos de inventário, como eles funcionam e como podem ser úteis para sua pesquisa genealógica.

O que são processos de inventário?

Os processos de inventário são documentos legais que registram todos os bens de uma pessoa falecida. Eles são geralmente abertos pelo tribunal local após a morte de uma pessoa e podem ser usados para resolver disputas entre herdeiros e credores.

Esses processos costumam incluir uma lista detalhada de todos os bens da pessoa falecida, incluindo propriedades, animais, móveis e outros pertences pessoais. Além disso, eles também podem mencionar dívidas pendentes e outras obrigações financeiras.

Como os processos de inventário podem ser úteis para a pesquisa genealógica?

Existem muitas maneiras pelas quais os processos de inventário podem ser úteis para a pesquisa genealógica. Algumas delas incluem:

  • Estabelecer relações familiares - Os processos de inventário geralmente listam todos os herdeiros da pessoa falecida, o que pode ajudar a estabelecer relações familiares.
  • Descobrir propriedades - Os processos de inventário podem ser usados para descobrir propriedades que pertenciam à pessoa falecida. Isso pode incluir terras, casas, edifícios comerciais e outros tipos de propriedades.
  • Descobrir ocupações - Os processos de inventário também podem fornecer informações sobre a ocupação da pessoa falecida. Isso pode incluir informações sobre negócios, emprego e outras fontes de renda.
  • Descobrir pertences pessoais - Os processos de inventário podem fornecer informações sobre os pertences pessoais da pessoa falecida, incluindo móveis, prataria, joias e outras posses de valor.
  • Descobrir outras fontes de renda - Os processos de inventário podem mencionar outras fontes de renda que a pessoa falecida possuía, como fazendas, aluguéis ou investimentos.

Como encontrar processos de inventário?

Os processos de inventário são geralmente mantidos nos arquivos do tribunal local. Para encontrar um processo de inventário para um ancestral específico, você precisará saber onde e quando ele faleceu. Em seguida, entre em contato com o tribunal local para verificar se eles possuem os registros. Você também pode pesquisar em bancos de dados online, como o FamilySearch.org ou Ancestry.com, para encontrar processos de inventário para seus ancestrais.

Conclusão

Os processos de inventário são uma fonte valiosa de informação para a pesquisa genealógica. Eles podem fornecer informações importantes sobre os nossos antepassados, bem como auxiliá-lo a estabelecer relações familiares e rastrear a propriedade de nossos ancestrais. Certifique-se de verificar os arquivos locais e bancos de dados online para encontrar processos de inventário para seus ancestrais. Com essa informação valiosa em mãos, você pode dar um passo importante na compreensão de sua história familiar.